Quem chega a um hospital buscando atendimento nem sempre se dá conta de que, para receber o socorro, são necessários não apenas jaleco, bisturi e maca, mas também a dedicação de uma equipe que atua nos bastidores. Para proporcionar acolhimento àqueles que procuram assistência, o Hospital das Clínicas Primavera (HCP) possui um quadro de funcionários preparados. Há três décadas investindo na saúde da cidade e região, o médico Dr. Iro Leite, ao lado da esposa Yone, estão a frente como incansáveis administradores/ empreendedores.

Fruto desse empenho coletivo é a nova UTI de Primavera do Leste que o HCP disponibiliza agora para toda região, atendendo a um clamor antigo no município. Inaugurada em 19 de dezembro de 2013, a UTI do HCP recebeu seu primeiro paciente em 24 de janeiro de 2014. Implantada a partir de uma parceria entre o Instituto Mato-grossense de Terapia Intensiva (IMAT) e o HCP. A Unidade conta com 11 leitos para atender pacientes adultos/geral. No protocolo de intenções firmado entre a Secretaria Estadual de Saúde, a Prefeitura de Primavera do Leste, o IMAT e o HCP, foram destinados oito leitos para os pacientes do SUS. Os demais são reservados para a rede particular e convênios.

A UTI atende a um propósito dos fundadores da instituição, como atesta o presidente e sócio-fundador do HCP, o pediatra Dr. Iro Leite: “Há uma necessidade pessoal de crescer e investir na área profissional que escolhemos e, por outro lado, temos uma pressão positiva da demanda da cidade estimulando que nós evoluamos satisfazendo o anseio da sociedade”. Complementando o pensamento do médico, a diretora-administrativa da entidade, Yone Leite, destaca: “A UTI é o primeiro passo ao encontro da nossa preocupação de progredir com o município para atender ao desejo da população. Mas não queremos parar por aí”.

Ao contrário do que muitos imaginam, a UTI não é um ambiente reservado apenas a doentes terminais. “Ela é um local apropriado para pacientes que precisam de atenção individualizada, pois lá há o suporte de uma equipe multidisciplinar formada por médicos, fisioterapeutas, profissionais de enfermagem, nutricionistas entre outros, que oferecem vigilância do seu estado de saúde durante 24 horas, além de dispor de uma estrutura completa com aparelhos de alta complexidade em caso de emergência e socorro imediato”, esclarece o médico, que acompanha gerações de pacientes.

Entre as situações que pedem internação na UTI, Dr. Iro aponta o infarto e o acidente vascular cerebral, em que a pessoa, mesmo que não tenha passado por cirurgia, precisa ficar em observação esperando a estabilização clínica. Porém, também é fundamental que indivíduos com patologias agudas ou que assim apresentem potencial de gravidade sejam encaminhados para este setor, como aquele que passou por procedimentos cirúrgicos que necessite de cuidados pós-operatórios especiais. Para aqueles que apresentem quadro infeccioso grave que, além de estarem vulneráveis, sejam potenciais transmissores de doenças há o leito para isolamento.

PRONTIDÃO

Vocação, abnegação e generosidade são características inerentes àqueles que optam por ter uma carreira voltada à saúde. “É, de fato, uma profissão com uma rotina estressante, sem horário certo para alimentação ou sono, já que o indivíduo deve estar de prontidão para prestar auxílio a qualquer momento. Além disso, o médico está cuidando de pessoas doentes ou potencialmente doentes e, dependendo da área, os riscos de contaminação são altos, como no caso de cirurgiões, clínicos gerais e pediatras que entram em contato com secreções do paciente. Mas, sendo médicos, sabemos quais os cuidados preventivos para não nos contaminarmos, como a utilização de luvas, uniformes e materiais descartáveis”, ressalta Dr. Iro.

Funcionando 24 horas com plantonista presencial, o HCP conta com um corpo clínico integrado por profissionais de diferentes especialidades como clínica geral, pediatria, otorrinolaringologia, cirurgia geral, ginecologia, obstetrícia, urologia, cardiologia, e anestesia que prestam tanto atendimento ambulatorial – em que o indivíduo é atendido no consultório médico – como hospitalar – quando há necessidade de internação. Muito procurado pela clientela, tem destaque o setor de ortopedia e traumatologia, com atendimento ambulatorial e cirúrgico, como afirma Yone: “A demanda é bastante alta por causa, principalmente, dos acidentes de trânsito ou com armas de fogo. E, lá, também são feitos tratamentos de doenças comuns dessa área como lesões musculares, tendinites e fraturas”, explica ela, que administra o centro médico referência no Estado.

ESTRUTURA

É importante a realização de exames preventivos assim como a investigação diagnóstica ou mesmo o monitoramento de enfermidades a fim de verificar sua evolução ou regressão. Para isso o HCP está equipado com aparelhos modernos que garantem a maior segurança e eficácia no resultado das avaliações clínicas. O hospital possui tomografia computadorizada, Raio-X digitalizado e contrastado que permite maior nitidez da imagem, respirador neonatal, aparelho de densitometria óssea e diversos outros equipamentos para exames que vão desde mamografia até endoscopia e eletrocardiograma, por exemplo.

Todos os aparelhos do HCP recebem manutenção preventiva. Visando auxiliar a precisão médica e assegurar o conforto e o bem-estar do paciente, o HCP dispõe de uma estrutura de apoio que permite maior agilidade na execução dos exames. “Contamos com o laboratório Bioanálise anexo ao HCP, que atende à clientela do hospital oferecendo resultados em tempo hábil com o objetivo de otimizar o tratamento terapêutico “, lembra Yone.

Para tornar os serviços mais acessíveis à população, o HCP presta atendimento tanto à rede pública como a particular, em duas vertentes, como Dr. Iro explica: “Somos um hospital privado e, por isso, a parte ambulatorial atende convênios e particular. Já na internação, como temos uma parceria com a Prefeitura, recebemos também pacientes da rede pública, inclusive para cirurgias eletivas, que são aquelas com data programada para ocorrer”. Entre os convênios atendidos pelo HCP estão Cassi, Unimed, Saúde Caixa, Correios, Bradesco, Sadia, São Francisco Saúde, Somed, entre outros.

LEGISLAÇÃO

Comprometida em manter um padrão de excelência na saúde, a diretoria do HCP orienta sua atuação conforme normas preconizadas pela legislação, seguindo inclusive o que dita a Lei 9.431/97 que obriga todos os hospitais a terem uma Comissão de Controle de Infecções Hospitalares (CCIH).”Todas as regras que existem para uma empresa comum valem para um hospital, e ainda existem normas exclusivas para a área hospitalar”, assinala Dr. Iro.

Um dos receios mais frequentes da população é a possibilidade de contrair uma doença dentro do hospital , a temida infecção hospitalar. “São fundamentais os cuidados com higiene porque a infecção hospitalar é um dos vilões da saúde”, avalia o médico presidente da entidade.

Yone menciona as visitas que o HCP recebe periodicamente de representantes de vários órgãos. “Somos fiscalizados pelo SEMA, ANVISA e Corpo de Bombeiros que observam a manutenção da estrutura e a qualidade dos serviços ofertados para se certificarem de que estamos agindo de acordo com os critérios estabelecidos”. Yone nos informa ainda que há mais de cinco anos, a instituição adota uma rotina específica para tratar o lixo. Sua coleta é feita separadamente e o HCP possui um abrigo apropriado para receber esse tipo de resíduo que, em seguida é recolhido por uma empresa terceirizada que dá o destino final correto. Já o lixo comum é recolhido pelo serviço público municipal.

Com a equipe empenhada em desenvolver um trabalho que priorize a conduta humanizada e que leve em consideração o ser – humano integral, com suas necessidades físicas e psicológicas, Yone acentua o engajamento do HCP em estimular a recuperação dos seus pacientes da melhor forma possível e proporcionar-lhes bem-estar e comodidade. “Nós buscamos seguir, à risca, a legislação e as obrigações sociais não apenas porque temos a fiscalização sempre nos observando mas, principalmente, porque lidamos com vidas – que é assunto que merece uma atenção especial e pede constante aperfeiçoamento do profissional da área e de todos os funcionários envolvidos”, reitera. A comodidade de quem escolhe o Hospital das Clínicas Primavera é outra preocupação da diretoria. Por conta disso, o prédio foi totalmente reformado e ganhou novos ambientes, como a capela reservada à visitantes. A fachada também ganhou novos ares, reflexo dos investimentos do HCP para melhor atender quem busca saúde em Primavera do Leste.

Por Roberta Azambuja – Revista Circuito Chic / Maio/2014

COTEGORIAS

ENCONTRE UM MÉDICO

Encontre o médico certo para o que você precisa. Aqui, você é sempre bem tratado.

Excepteur sint occaecat nulla cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit est laborum.